Suportando tempestades...


As coisas aparentemente estão em seus devidos lugares. Tudo em perfeita harmonia. Tudo em um perfeito encaixe. Até vir uma tempestade ou um vento mais forte que o habitual. Umas tomam o lugar das outras, os espaços vazios são demasiadamente preenchidos, o quadro da parede cai, a mobília quebra. Talvez essa seja apenas uma das muitas tempestades que virão. Nem sempre é dia de sol. É preciso saber enfrentar os dias quentes e os de chuvas incessantes e ventos fortes. E o que acompanha a correnteza e a ventania desses dias, o que se desfaz, o que se quebra é o que foi construído para ser efêmero. Porque somente as coisas construídas com base verdadeiramente sólidas, suportam ventanias, tempestades e até furacões. E elas, elas serão eternas, enfrentando sol intenso e chuvas incessantes.

"...depois de todas as tempestades e naufrágios o que fica de mim e em mim é cada vez mais essencial e verdadeiro" (Caio F.)

27 comentários:

Hannah disse...

É como vc falou lá no meu blog: 'as pessoas que amamos são eternas' haja o que houver, aconteça o que acontecer. Parabéns pelo blog..é super fofo

Bjs

Zélio Marulo Jr. disse...

Tudo que realmente é concretizado no amor e na amizade nao pode ser superado por qualquer acontecimento. A vida é cheia de altos e baixos, ter humildade para passar pelas tempestades é o segredo da abonância.

Um grande abraço.
Uma ótima Semana.


E que sua vida seja repleta de Bons Ventos!!

Will Monteiro disse...

Que lindo o post. Parabéns =D
=*

Saulo Taveira disse...

O caos leva-nos à perfeição, arrumação, auto-conhecimento.

Beijos, boa semana de ventanias.

Kαmile Rαbelo disse...

Joyce querida, que texto lindo. Com certeza somente as coisas contruídas com base verdadeiramente sólida pode suportar qualquer tempestade. Sinta-se abraçada querida, beijinhos

Pérola Anjos disse...

Nem chuvas tempestuosas nem vendavais derrubam as raízes fortes do que é verdadeiro em nós e para nós.

Lindo, lindo, Joyce!

Mando-te flores para perfumar e enfeitar a estação dentro de ti!

Beijo doce!

Winny Trindade disse...

Que coincidência! Eu falava isso ontem a noite com um amigo.

Abraço meu.

Gabriel disse...

Eu acho que não estava preparado para a última tempestado que passou. Seus ventos fortes, levaram muitas das coisas que ainda não estavam presas em mim. E a chuva fria, banhou-me com verdades das quais eu não gostaria de me molhar, fazendo-me ter calafrios.

Aguardo então a calmaria, para juntar os pedaços e recomeçar.

Parabéns senhorita Joyce. Obrigado maius uma vez pelo comentário em meu blog, e pelo incentivo, que acho que ando precisando (risos).

Um beijão pra ti!

Rafael Ricardo disse...

Obrigado pela visita e pelo comentário no meu blog. Adorei o seu. Também adoro esse trecho do Caio que você postou. :)
Beijos.

Non je ne regrette rien: Ediney Santana disse...

a ordem e o caos tão perto um do outro que podemos amar um e ir para cama pensando que é o outro

♥ Evelin Pinheiro ♥ disse...

Nossa.... muito demais o que vc escreveu!! Somos sujeitos a estarmos preparados apenas para os dias de sol, de bonança, ai qdo vem a tempestade, desabamos. Peçamos a Deus força para suportar também os dias maus.

Adorei a visita!
Se me seguir, te sigo tb e estarei sempre aki!! *-*

BeijO
http://evesimplesassim.blogspot.com/

Clube do Filme disse...

Ficou muito bom o texto.. e a foto é linda!!!

Belo blog.. Parabens!!...

Mário Machado disse...

É assim mesmo, mas acho que reconstruir é uma das partes mais interessantes da vida.

Rogerio disse...

precisamos ter nossas tempestades pessoais para poder saber viver...e aproveitar quando estamos na calmaria....gostei do texto...

EduCaldeira disse...

Olá!!!
Vi seu anuncio de Blog no Orkut e gostei muito do que vi... e já estou seguindo...
Parabéns pelo trabalho.
Saudações,
Edu (http://edurjedu.blogspot.com)

Fernando disse...

Uau!
Falou tudo.

Quem nunca enfrentou tempestades, não ficará imune. Enfrentará.

O importante é sempre mater as bases, pra que possamos sustentar-nos.

ótimo texto!

abs,
Fernando Piovezam
seuanonimo.blogspot.com

RosanAzul disse...

Joyce querida, passei uma semana lutando com meu blog! rsrsr
Só hoje consegui postar e aproveitando para tbem te visitar! Belo teu escrito, gostei!
"OS GRANDES NAVEGADORES DEVEM SUA REPUTAÇÃO AOS TEMPORAIS E ÀS TEMPESTADES." EPICURO
Beijo no teu coração e meu desejo de uma semana feliz e abençoada! Ro

Eu, ΞĐU disse...

Oi, Joyce... tudo bom?
Fiz a indicação do mweu Blog, mas fiz uma pequena confusão... (rs) e você acabou visitando o blog errado.
Meu blog é o "meus pensamentos em gotas", http://edurjedu.blogspot.com
Fico aguardando sua visita e vou sempre estar por aqui, seguindo e acompanhando seu Blog.
Beijo e felicidades,
Edu

Pérola Anjos disse...

Obrigada pelo carinho de sempre, Joyce querida!

Também gosto muito da forma com que escreves, com muita sensibilidade, olhar crítico e com muita beleza e suavidade.

Beijo doce!

Kauana Maria disse...

Lindo, lindo, precisava dessa dose hoje. :D

Nice Lima disse...

Parabéns pelo blog, tens o dom...

Lua Nova disse...

Sempre amei as tempestades... elas renovam a natureza... inclusive a minha. Sou muito sujeita a elas.
Teus textos são sempre muito cheios de significado e beleza.
Beijokas.

Lucas André disse...

belo texto

Deny disse...

O melhor de tudo é amadurecimento que nós adquirimos dps de dar a volta por cima em certas situações, é essa força que agnt tem de sempre achar que tudo vai dar certo.
Acho que isso é ser feliz.
Pq tudo perfeito não é atraente!!!

Amei o post!

=D

Deny disse...

Já tou te seguindo!!!

=D

Sue disse...

vou seguir :)

Sinceridades, pensamentos. disse...

a vida nos dá testes.. um mais dificil que o outro. Para recompensa receber, precisamos passar por tempestade, até que enfim, acharemos o nosso devido lugar, nosso devido arco-íris.
você me deu inspiração nesse post haha, obrigada por isso.
parabéns, sucesso.

beijos. seguindo

Postar um comentário

Seu comentário pode ser seu cartão de visita.

Obrigada pelo comentário!

 
© Template Scrap Suave|desenho Templates e Acessórios| papeis Bel Vidotti